Verdades absolutas

“A principal forma de ignorância é achar que se sabe tudo. Apegar-se as crenças e "verdades absolutas" que foram formadas a partir da sua visão sobre experiências anteriores e traumas que estão no passado. 

Considerar o impermanente como permanente, ignorando que tudo vai mudar. As certezas só servem para cair por terra quando uma nova realidade se apresenta. 

Na busca do conhecimento e da consciência, mais importante do que estudar é desapegar das suas ideias e certezas, criando espaço para a dúvida e repensar seus conceitos. Não há nada a temer, não há nada mais libertador e transformador do que reconhecer um novo caminho, se permitir mudar de ideia, reconhecer erros sem se culpar.” 

ॐ Re Mozzini

Leave a comment

Add comment